Comida é feita, principalmente, de sabores. É o que de mais marcante fica quando você prova uma receita. Não por acaso, a gente lembra até hoje dos bolos das nossas avós, dos almoços das nossas mães, da carne do churrasco do pai. Os sabores são capazes de nos fazer viajar, delirar… Por isso, a forma que eles são pensados e criados é determinante para uma receita.  

A gente já falou por aqui que os caldos são as primeiras bases da culinária e os responsáveis pela primeira “camada" de sabor das receitas. Mas não podemos parar por aí: é a partir deles podemos pensar em uma infinidade de ramificações que podem te ajudar a pensar novos pratos. Portanto, a pergunta é: o que fazer com um caldo gostoso? Ué, usar e abusar dessas bases para poder criar muitas receitas a partir delas! 

O que vem depois?

Depois dos caldos, as bases vão ganhando consistência, e dão origem aos molhos, sopas ou cremes, que também fazem parte da base das refeições - e por isso tão importantes na hora de serem preparados. Os caldos também são o ponto de partida para polentas, risotos, arrozes, cozidos: o leque de possibilidades é infinito. 

 

Na prática

Por que cozinhar uma sopa de abóbora só com água se podemos usar um caldo super aromático? A diferença é incrível! Você pode transformar uma sopinha sem graça e aguada em um creme bem gostoso e reconfortante para o inverno, com textura mais espessa e um sabor muito mais rico.  Da mesma forma, por que cozinhar o arroz do risoto na água se dá pra usar um caldo para deixar ele mais cremoso e potente em sabor? Os sabores não só podem, como devem, ser combinados e construídos juntos. É como se fosse uma brincadeira de laboratório, testes e experimentos que te levam a chegar no sabor mais incrível que você pode alcançar, seguindo o toque pessoal e as experiências do chef. É a tal da grande alquimia da cozinha: sabores que, combinados, criam outros, novos, ainda mais deliciosos. Por isso, não fique no bê-a-bá, se arrisque! 

 

Que tal um empurrãozinho na criatividade?

Além de dominar as técnicas de cozinha, uma das principais habilidades de um cozinheiro é também saber combinar bem aromas e temperos para criar pratos com personalidade. Ser menos seguidor e mais desbravador deveria ser um mantra para cozinheiros e chefs que querem se destacar - e conquistar de vez seus clientes pelo estômago.  Claro que não é tão fácil, porque envolve risco, mas é possível ir aos poucos, testando combinações que funcionem, implementando novos pratos a medida que os clientes vão aprovando e, assim, indicando o caminho a ser seguido.

 

As regras para fugir das regras:

Selecionamos algumas dicas que podem te ajudar a despertar seu espírito criativo e não ter apenas que seguir receitas no seu estabelecimento:

- Amplie seu repertório: aqui vale boas leituras (revistas e jornais especializados), programas de culinária na TV, blog e sites, além de livros de comida. Veja como outros profissionais fazem, seja curioso(a).

- Experimente novos sabores: uma ida à feira ou ao mercado (com tempo) pode ser um ótimo laboratório de criação de sabores e combinações.  Invista em conhecer novas ervas, frutas, legumes, etc. Experimente o que você não costuma usar. Prove, prove, prove!

- Faça substituições: tente trocar o alecrim que usa para fazer sua batata assada, por exemplo, por sálvia. Substitua a calda de ameixas do seu manjar de coco por uma fruta mais tropical de vez em quando. Substituir um por outro te permite descobrir novas combinações - que podem ser até melhores que as que já conhece.

- Varie suas escolhas: se você costuma sempre comer massa com molho de tomate, experimente pedir com molho branco, um molhopesto. Troque o requeijão que passa na torrada por coalhada seca, por exemplo. O paladar de quem trabalha com comida precisa ser desafiado o tempo todo: só assim ele se desenvolve.

 

Para arriscar

Essas são apenas algumas dicas, mas a ideia principal é que você se permita conhecer o novo, se arriscar. Para dar o primeiro passo, a gente te ajuda a montar várias combinações que não têm erro! Conheça algumas delas no infográfico ao lado.

Se inscreva para receber novidades!