As demandas diárias de um restaurante nem sempre deixam espaço para o gestor pensar sobre o que agrada ou não em seu cardápio. 

O primeiro passo é verificar se este é o momento de mudar o seu menu. Identifique quais pratos não têm muita saída. Nessa avaliação, perceba também quais são os carros-chefes da casa. 

Para saber o que pode ser acrescentado, nada mais útil do que realizar uma pesquisa com o seu público. Converse com os frequentadores mais assíduos e pergunte sobre as suas preferências e que tipo de novidade gostariam de encontrar no seu restaurante. 

De acordo com Daniel Allegro, diretor de marketing da rede de restaurantes Ráscal, não existe uma regra especial para a frequência de mudanças no cardápio. As datas comemorativas, como Páscoa, Dia das Mães, dos Pais e dos Namorados, são boas oportunidades para apresentar um novo prato, pois nesses períodos os clientes estão mais receptivos a novidades.

Estar informado sobre as tendências do mercado também é uma ótima maneira de avaliar o seu cardápio e ter novas ideias. 

Contudo, ao buscar inovação, é preciso ter cuidado para não perder a identidade nem frustrar o cliente.